Boletim


Publicado em: 02/2017


Panfleto para o Ato em defesa da Unimep


                                                                                                                   EM DEFESA DA UNIMEP                                                                                                                                                  

         “A Igreja entende a Educação (...) que promove como o ‘processo que oferece formação melhor qualificada nas suas diversas fases, possibilitando às pessoas o desenvolvimento de uma consciência crítica e seu comprometimento com a transformação da sociedade, segundo a missão de Jesus Cristo’”. (Plano para a vida e missão da Igreja Metodista).

          Desde 2006, a Rede Metodista de Educação vem interferindo negativamente na gestão da Unimep. Atualmente, nesse contexto de crise econômica, a Unimep está sendo administrada à distância, comprometendo de maneira significativa a qualidade do ensino da instituição. A título de ilustração podemos citar:

  • o não pagamento de fornecedores e a consequente falta de insumos para os laboratórios e demais atividades do dia a dia,
  • a falta de professores na primeira semana de aulas,
  • a junção de turmas de semestres distintos,
  • a falta de funcionários para o apoio acadêmico e administrativo,
  • o não pagamento de bolsas de iniciação científica, extensão e monitoria,
  •  a interferência da Rede no Campus Centro, transformando-o em polo de Ead da Umesp e, mais grave ainda, o cerceamento da autonomia da nossa Reitoria para a gestão da Unimep.

            Estamos caminhando para a descaracterização do que fomos e do que podemos ser. A palavra de ordem agora é “restaurar mantendo os alicerces” da Unimep e tentar salvá-la do processo destrutivo, determinado pela Rede.

            “Toda a prática das instituições (de ensino) se caracterizará por um contínuo aperfeiçoamento no sentido de democratizar cada vez mais as decisões”. (Vida e Missão)

 

ADUNIMEP/AFIEP

09/02/2017